Heroína

Dorme, criança… sonha com um mundo menos arredio, com mais árvores nas quais possa empoleirar-se, com um mar sem cheiro de óleo.
Sonha com algumas amizades verdadeiras e com aquele amor profundo e infinto, como se estivesses mergulhando pelo céu.
Sonha com a conquista dos teus sonhos e que serás capaz de seguir em frente mesmo sem os ter realizado ainda.
Muda de sonhos, criança!
Deita no meu colo e aconchega-te neste ninho. Com carinho te seguro e não a deixo cair.
Não, o mundo não é como tu queres e tu tens que lutar mas não deixa te calarem.
Viva intensamente, criança. Seja colorida, seja o sorriso na manhã de alguém, seja o sol a esquentar num dia gelado. Cria tua história e escreve-a, te tatua! Teu corpo é teu e tua mente também.
Cala-te quando fores meditar, podes ficar de olhos fechados, ouve esta canção de ninar. Eu sei que fala de monstros mas fala também de amor e fala que na vida nem sempre o filme é de terror.
Dança, criança, te embalo num ritmo sereno, podes acreditar que o mundo é gigante e ao mesmo tempo pra ti, muito pequeno.
Tua respiração pesada me conforta, agora que dormes profundamente estás em teu mundo iluminado, lá não podem te machucar e lá não podem te controlar. Por isso dorme, criança, enquanto tua energia emana bons sentimentos até quando deitas em meu ombro, até quando sei que procuras respostas que ainda não estás preparada para entender, até quando choras sem intenção, sem pesar, sem sofrer.
Imagina que é real, transforma nosso mundo no teu e traz alegria pra minha vida ao acordar, me diz, pequena, em que heroína irás te transformar?

Anúncios

Posso tu-do!

Posso ser madura se tu quiseres, posso ser ser infantil, ser engraçada ou séria no momento que preferir. Posso parecer idiota ou até mesmo ser idiota, posso fingir me importar com os outros e posso deixar de me importar. Posso cantar tuas músicas favoritas e as que não souber, posso aprender. Posso correr atrás de ti, mas não posso te deixar, isso não! Posso saltar do lugar mais alto, posso rastejar e também escalar montanhas. Posso escrever uma carta ou um bilhetinho. Posso fazer o jantar, o almoço ou apenas um lanche pra hora do intervalo. Posso ficar muda ao teu lado querendo dizer milhares de coisas e posso também falar sem parar sem saber o que estou dizendo. Posso não dormir pra te cuidar a noite toda ou dormir agarrada em ti e posso ainda acordar cedo somente pra ser teu despertador.
Posso comer coisas que não gosto só pra te acompanhar. Posso viajar pro Egito ou ficar em casa, se estiver ao teu lado, não tem importância de pra onde vou ou onde vou ficar. Posso arder de ciúmes e quase explodir, ou posso arder de ciúmes e fingir não sentir nada, uma coisa é certa: sempre vou arder de ciúmes. Posso pintar o cabelo da cor que tu preferir, mudar o corte, pintar as unhas e até usar salto, ficar linda somente pra ti. Posso usar carro, ônibus ou moto, qualquer tipo de condução pra ir ao teu encontro. Posso ser teu filme favorito, o livro que tu mais gostas de ler, a fotografia mais bonita e a escultura mais enigmática. Posso ser o abraço mais seguro, o beijo mais intenso e o sorriso mais alegre, o suspiro mais sincero, a lembrança mais terna e a saudade mais dolorosa. Posso ser tudo que quiseres desde que me digas. Conte-me tuas necessidades e revela-me teus segredos, assim, perfeita serei. Apenas pra ti.